loading...

História

O sonho de constituir uma cooperativa de crédito voltada para os profissionais da área da saúde teve início em 1987.  O então conselheiro fiscal da Cooperativa Editora e de Cultura Médica – COOPMED, Dr. Helton Freitas teve acesso a uma série de livros sobre o tema . ''O objetivo maior era fazer com que os proventos dos médicos fossem investidos em uma cooperativa da categoria e que os mesmos, além dos ganhos financeiros, conquistassem outros benefícios como produtos específicos que atendessem a necessidade da categoria'' conta Freitas.

 

Naquela época, só para se ter uma ideia, os médicos encontravam dificuldades para financiar, por exemplo, equipamentos de trabalho com maior valor agregado. Isso acontecia porquê os bancos convencionais consideravam tais equipamentos como bens de capital de mercado restrito, com rápida desvalorização após a aquisição. Porém, tal renovação era uma exigência perante a vasta transformação pelo qual o mundo passava.

 

Foi diante desse cenário e depois de muito estudo, trabalho e apoios institucionais, que no dia 28 de abril de 1992 - na Faculdade de Medicina da UFMG, na Sala C - hoje auditório Prof.  Amilcar Viana Martins – 24 médicos, fundaram a Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Médicos de Belo Horizonte e RMBH.

 

Após constituída, o próximo passo para o efetivo funcionamento da Cooperativa era a aprovação do estatuto junto ao Banco Central, conquistada em agosto de 1992. Mas, apesar da caminhada já feita, ainda faltava o nome comercial para o início das operações, que só veio após visita a uma cooperativa de Bom Despacho – MG.

 

“Lutávamos para conseguir um nome para a nossa Cooperativa que fugisse da cacofonia de CRED e MED, CREDIMED, MEDICRED, COCREMED. Todas as combinações possíveis entre Cooperativa, Crédito e Médico foram tentadas e nenhuma delas agradou. Ao ouvirmos o nome CREDIBOM, achamos que era um nome realmente muito bom, daí para CREDICOM foi apenas seguir o alfabeto e a nossa cooperativa tinha finalmente um nome”, lembra Dr. Helton Freitas.

 

Em primeiro de dezembro de 1992 a Credicom iniciou suas atividades em um corredor cedido pela Coopmed. Dr. Helton conta que “os primeiros dias foram difíceis, eu diria dificílimos, numa economia inflacionária onde os bancos buscavam avidamente clientes que pudessem aumentar seus ganhos com a chamada ciranda financeira". "A Credicom não possuía know-how, nem tecnologia para tanto e muito menos dinheiro”, lembra.

 

Mas nada disso foi suficiente para desviar os sócios fundadores dos seus propósitos. Pelo contrário. Sempre utilizando a combinação perfeita entre empenho, dedicação e profissionalismo, eles garantiram o crescimento da Cooperativa com o passar dos anos.

               

A primeira grande parceria, fora da Coopmed, foi com a COOPBALEIA - Cooperativa dos Médicos do Hospital da Baleia, que tomou uma decisão inédita em sua Assembléia: pagar os seus cooperados por meio da Credicom. “Em um mês dobramos o nosso número de cooperados – chegávamos a 400”, conta Dr. Helton.

 

De 1995 a 1998 a Credicom firmou outras importantes parcerias: HC-COOP - do Hospital das Clínicas, FELICOOP - do Felício Rocho, SANTACOOP - da Santa Casa, COOPERATIVO - Hospital do Advogado, COOPERCON - médicos de Contagem,  BELCOOP - Hospital Belo Horizonte, COOPIMIMG - Hospital Vila da Serra, BH-COOP - Hospital Socor, Unimed BH.

 

O rápido crescimento da cooperativa gerou a necessidade de um espaço físico maior. Com isso, em abril de 1997, a Credicom se mudou para a Av. do Contorno, 4924 - Funcionários, BH, onde dividiu por 5 anos um andar com a Cecremge.

 

No dia 06 de dezembro de 2002, a Credicom inaugura sua sede própria na rua Cícero Ferreira, 71 -Serra, BH.

 

Em 2007 aderiu a marca Sicoob, a maior instituição financeira cooperativa do Brasil. Outro importante passo foi a fusão com a Unicred BH. Logo após, vieram outras cooperativas:  Unicred Norte de Minas de Montes Claros, Unicred Inconfidentes (Ouro Preto, Mariana, Itabira, Conselheiro Lafaiete, João Monlevade) e Unicred Vale do Aço (Ipatinga, Timóteo e Coronel Fabriciano). 

 

Em 2008 a Credicom fincou outro importante marco em sua história de crescimento com a migração para o Sistema de Informação do Sicoob (Sicoob Sisbr). Em 2009, uma parceria com a Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Servidores do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae MG) possibilitou que o Sicoob Credicom levasse ao Sebraecoop seus serviços financeiros. Em 2012, a Cooperativa Unicred Campos das Vertentes (Barbacena e São João Del Rei) também se uniu ao Sicoob Credicom.